terça-feira, 29 de novembro de 2016

CONFIRA AS DICAS DO BLOG FUZUÊ DAS ARTES PRA ESTA SEMANA DE 29/11 A 04/12...

DE 29/11 A 06/12 (TERÇA A TERÇA-FEIRA) EM CUIABÁ, VARZEA GRANDE E BARÃO DE MELGAÇO
3º festival Zé Bolo Flô de Teatro de Rua 

A partir desta terça-feira (29.11), o teatro toma conta das ruas e praças de Cuiabá.  Espetáculos diversos serão encenados na Capital, bem como em Várzea Grande e no município de Barão de Melgaço, seguindo os princípios de descentralização da cultura. Os eventos integram o 3º Festival Zé Bolo Flô de Teatro de Rua, que ocorre até o dia 06 de dezembro, e faz parte do 2º Circuito de Festivais de Teatro, idealizado pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT). A realização é do Grupo Tibanaré, com correalização do Instituto Cultural Casarão das Arte.
*********************************
DIA 30/11 (QUARTA-FEIRA) AS 20 H NO TEATRO ZULMIRA CANAVARROS EM CUIABÁ-MT
CONCERTO SÉRIE CERRADO - ORQUESTRA SINFÔNICA CIRANDA MUNDO
INGRESSOS 02 KG DE ALIMENTO NÃO PERECÍVEL 
A Orquestra Sinfônica Ciranda Mundo apresentará a Série Cerrado no palco do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros e você é nosso convidado! Será uma noite muito especial com a música de Carlos Gomes, Piotr Ilitch Tchaikovsky, Franz Schubert e Henryk Wieniawski..

Data: 30 de Novembro

Horário: 20h

Ingresso: 2 kg de alimento não perecível 

Troca: 1h antes do evento na bilheteria do Teatro zulmira Canavarros
Para mais informações acesse o site e as redes sociais.
www.facebook.com/InstitutoCirandaMusicaECidadania                     *****************************
DIA 01/12 (QUINTA-FEIRA) DAS 17:30 ÁS 21:30 H NO JD. DO SESC ARSENAL EM CUIABÁ-MT
DEIZE ÁGUENA E CONVIDADOS
É com muita alegria que convido vocês pra esse show que vai ser LINDOOO! É uma honra ser convidada pra cantar em meio a pessoas que tanto admiro. Grata, Deize Águena Moreira pelo convite. É HOJE!! O palco desta quinta-feira, será com muita música, alegria e celebração. Estamos te esperando! Vejam os convidados: Juliane Grisolia, Rusivel de Jesus,Rodrigo Rocha,Clau Simpatia, Marcelo Beleza Pura, Raoni Ricci, Rodrigo Mendes, Caroline Fritzen, Rita Cassia e as revelações Matheus Farias, Giselle, Jasmyne Vitoria e Maria Clara.
                            *****************************
DIA 02/12 (SEXTA-FEIRA) AS 22:30 H NO CLUBE DE ESQUINA BAR EM CUIABÁ-MT
TRIBUTO A ELIS REGINA
Nesta sexta, 02/12, venha abraçar seu irmão e beijar sua menina na rua. Tributo a Elis Regina aqui, no Clube de Esquina, a partir das 22:30h. E não basta ser Regina, também tem promoção:

Entrada gratuita até as 22hrs -- retire sua entrada no caixa.
Com: 
                         *****************************

DIA 03/12 (SÁBADO) AS 21 H NA CASA DO PARQUE EM CUIABÁ-MT
PIANO ROMÂNTICO com o maestro LUIS RENATO DIAS
Neste sábado!  3/12 às 21h PIANO ROMÂNTICO com o maestro LUIS RENATO DIAS... No repertório as mais lindas canções de amor ❤️ Sempre muito especial! Vem! 

📲 Reservas: 3365.4789 // 98116.8083                                                                       *********************************
DIA 03/12 (SÁBADO) AS 23 H NO CLUBE DE ESQUINA BAR EM CUIABÁ-MT
ENGENHEIROS DO HAWAII E RAUL SEIXAS - HERÓIS DE BRINQUEDO

Você me faz correr demais o risco de controlar a minha maluquez misturada com minha lucidez... 

Neste sábado, dia 03 de Dezembro.
A partir das 23:00h.
O melhor de Raul Seixas. As preferidas dos Engenheiros do Hawaii.
Com eles, Heróis de Brinquedo !
Não perca o melhor do rock nacional na casa cuiabana do Rock and Roll.
                      *********************************
DIA 03 e 04/12 (SÁBADO  E DOMINGO) AS 19 H NO SALÃO SOCIAL DO SESC ARSENAL EM CUIABÁ-MT
A TEMPESTADE - ESPETÁCULO EXPERIMENTAL 
É com imenso prazer que te convidamos para assistir a nossa apresentação experimental do Curso de Teatro do Sesc. Se trata de um clássico de Shakespeare - A Tempestade, contada de uma forma bastante singular. Como ficou? Como fizemos tudo isso? A gente só te conta no Salão Social do Sesc Arsenal, nos dias 3 e 4 de Dezembro, às 19h. A entrada é de graça, mas o espaço é limitado, então chegue cedo pra garantir o seu ingresso. A distribuição de ingressos se inicia 1 hora antes das apresentações.                                                    *********************************


Festival Zé Bolo Flô leva as artes cênicas para ruas e praças da Capital, confira a programação


Cortejo de artistas e público saem da Praça da República e seguem para a Casa Cuiabana, na abertura oficial do evento
A partir desta terça-feira (29.11), o teatro toma conta das ruas e praças de Cuiabá.  Espetáculos diversos serão encenados na Capital, bem como em Várzea Grande e no município de Barão de Melgaço, seguindo os princípios de descentralização da cultura. Os eventos integram o 3º Festival Zé Bolo Flô de Teatro de Rua, que ocorre até o dia 06 de dezembro, e faz parte do 2º Circuito de Festivais de Teatro, idealizado pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT). A realização é do Grupo Tibanaré, com correalização do Instituto Cultural Casarão das Arte.
“Neste ano o festival cria um espaço reflexivo e não perde a festividade artística. Entretanto, vai dialogar com o olhar do público e do artista para sua cidade”, observa o fundador do Tibanaré e idealizador do festival, Jefferson Jarcem.
“O teatro de rua é uma arte pública, suas ações atingem frontalmente na esfera social, não podemos esconder esta re-ação na peneira. Nós, artistas de rua, temos um importante papel de auxiliar na estruturação ideológica de uma comunidade”, avalia. “Não queremos perder a potencialidade do encontro entre a obra artística com o público. Queremos construir um espaço de provocações deste olhar do artista e da comunidade com sua cidade”.
Na tentativa de fortalecer a luta por um teatro com função social e crítica, nesta terceira edição o festival terá 20 apresentações de grupos e artistas especificamente de Mato Grosso, com pesquisas voltadas para rua, com o objetivo de estimular e construir uma continuidade deste processo com a comunidade. As apresentações ocorrem na Praça Alencastro, Praça Cultural do Pedra 90 e do Jardim Vitória, Parque Tia Nair, Arena Pantanal, Terminal Urbano do CPA 1, Casa das Artes de Várzea Grande e na Praça Central de Barão de Melgaço.
A fanpage do facebook @grupotibanare é o espaço de informações do festival, com dados sobre os locais das apresentações. “Algumas pessoas nunca tiveram a oportunidade de conhecer a comunidade do Pedra 90 e Jardim Vitória, por exemplo, ou até mesmo ir ao terminal do CPA 1. Um dos objetivos do festival é integrar a comunidade local com os espectadores”, completa Jarcem.
O Circuito
Criado em 2015, o Circuito de Festivais de Teatro é uma rede que interliga profissionais das artes cênicas de várias regiões do estado e promove a conexão com pesquisadores e artistas brasileiros e de outros países.
“Essa iniciativa faz questão de preservar e dar total liberdade aos grupos e aos festivais para que cada um mantenha a sua identidade. A criação do Circuito tem como objetivo o fortalecimento de uma rede para que recursos públicos sejam otimizados e os espetáculos possam circular por vários municípios e atingir um número maior de pessoas”, explica o secretário de Estado de Cultura, Leandro Carvalho.
A primeira edição, realizada no ano passado, envolveu quatro festivais: Velha Joana, em Primavera do Leste, Festival de Teatro de Campo Novo dos Parecis (Femute), Festival Zé Bolo Flô de Teatro de Rua, em Cuiabá, e o Festival de Teatro da Amazônia Mato-grossense, em Alta Floresta.
Este ano, o Circuito ampliou o número de festivais participantes e contou também com a Mostra Internacional de Teatro Infantil (Miti) e o Humor do Mato, somando assim seis eventos que movimentaram as artes cênicas em todo o Mato Grosso durante os meses de outubro a dezembro.
Confira a programação completa do Festival de Teatro de Rua Zé Bolo Flô:
Dia 29/11
Cortejo Oficial – Artistas convidados
Concentração na Praça da República para a Casa Cuiabana às 18h30
Abertura do Festival Zé Bolo Flô de Teatro de Rua – Casa Cuiabana às 19h30
Apresentação: Pedro Malasatres e o Couro misterioso - Teatro Faces (Primavera do Leste/MT)
Casa Cuiabana às 20h
Dia 30/11
Apresentação: Não Cabe mais, gente! - In-Próprio Coletivo (Cuiabá/MT)
Praça Cultural do Pedra 90 às 19h
Apresentação: Romeu e Julieta para os desavisados - Grupo Faces Jovem (Primavera do Leste/MT)
Praça Cultural do Pedra 90 às 20h
Apresentação: Virgindade contestada - Vital Siqueira, Romeu Benedicto e Ivam Belém (Cuiabá/MT)
Praça Cultural do Pedra 90 às 21h
Dia 01/12
Apresentação: Maiêutica - Raquel Mützenberg (Cuiabá/MT)
Terminal do CPA 1 às 8h
Apresentação: Fábrica de Risos - Cia Theatro em Cena (Cuiabá/MT)
Praça Alencastro às 18h
Apresentação: Da Lama Nasce a Flor De Lótus - Millena Machado (Cuiabá/MT)
Praça Alencastro às 19h
Apresentação: A Mala D´1 Circo - Grupo LimAcs (Cuiabá/MT)
Praça Alencastro às 20h
Dia 02/12
Apresentação: O Circo – Grupo Vostraz (Várzea Grande/MT)
Praça Cultural do Jardim Vitória às 19h
Apresentação: Andarilhos das Estrelas - Grupo Tibanaré (Cuiabá/MT)
Ponto de partida: Praça Cultural do Jardim Vitória às 20h
Dia 03/12
Apresentação: Fábrica de Risos - Cia Theatro em Cena (Cuiabá/MT)
Praça Cultural do Pedra 90 às 20h
Apresentação: As aventuras de Zé Travessuras - Grupo Nó (Nova Olímpia/MT)
Praça Cultural do Pedra 90 às 21h
Dia 04/12
Apresentação: Encontradores de Histórias em: Um conto de amor nordestino! Grupo Teatro Imagem (Cuiabá/MT)
Arena Pantanal às 17h
Apresentação: Pachamama - Thereza Helena (Cuiabá/MT)
Arena Pantanal às 18h
Apresentação: Índia Ró - Juliana Graziela (Cuiabá/MT)
Arena Pantanal às 18h30
Apresentação: As aventuras de Zé Travessuras - Grupo Nó (Nova Olímpia/MT)
Arena Pantanal às 19h
Dia 05/12
Apresentação: Andarilhos das Estrelas - Grupo Tibanaré (Cuiabá/MT)
Avenida Couto Magalhães às 8h
Apresentação: Conversa de Botas e Batidas - Grupo Vostraz (Várzea Grande/MT)
Parque Tia Nair às 19h
Dia 06/12
Apresentação: Encontradores de Histórias em: Um conto de amor nordestino! Grupo Teatro Imagem (Cuiabá/MT)
Praça Central do município de Barão do Melgaço às 18h30
Apresentação: As aventuras de Zé Travessuras - Grupo Nó (Nova Olímpia/MT)
Praça Central do município de Barão do Melgaço às 20h
Angélica Moraes SEC-MT 

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Casa Cuiabana exibe manifestações culturais em evento nesta sexta-feira (25/11)

Nesta sexta-feira (25) a Casa Cuiabana se reafirma como espaço de aprendizado e palco das mais diversas manifestações populares de artistas cuiabanos. São 17 apresentações que revelam farta produção nas mais diversas linguagens, tais quais música, dança, artes visuais, teatro e intervenções. A programação do "A Arte É Nossa Casa" começa às 19h e segue até as 22horas, com entrada gratuita.
A pluralidade da noite está traduzida nos mais diversos estilos das danças apresentadas. A identidade cultural do país será representada por tradicionais grupos da cidade que se dedicam a preservar a ancestralidade afro-brasileira. O grupo Quilombo Angola dá início à noite com apresentação de capoeira da Angola. E logo, a Cia Ayoluwa revela a força da dança afro com o espetáculo “Palavra da Alma”.  A cantora Gê Lacerda também participa com o “Negra Flor”.
Em outra vertente, o grupo Halawi, criado a partir dos cursos de dança oferecidos pela Casa Cuiabana, apresenta a dança do ventre com taças e a dança egípcia. Outro grupo originado a partir das aulas de dança gratuitas ofertadas no espaço, o Cigatas, traz a beleza da fusão árabe-flamenco e a “fusion gipsy dance”. Já a bailarina Wânia Ormond revela ao público os encantos da dança cigana com o ato “fusion tribal”.
Apresentando atos de dança contemporânea, entram em cena, Giulliano Silvero com “Lua Bonita” e o Grupo de Artes Variações, com “Sentidos”. A performance segue noite adentro com a inusitada tríade formada pelo poeta Márcio Mendes, a dançarina Léa Baracat e o percussionista Mário Ogan com “Tuiuiú do Pantanal”.
As artes cênicas seguem muito bem representadas. Raquel Mutzenberg apresenta sua instigante performance, Maiêutica, além de realizar a intervenção titulada “Bonecas”, enquanto o evento se desenrola. 
Os Voluntários da Alegria também estarão presentes com o ato “Irmão Pobre, Irmã Rica”. Para enfatizar o caráter plural do evento, tem ainda o professor Ney Ramos exaltando a MPB. 
As Artes Visuais também têm espaço cativo na programação. Professor da Casa Cuiabana e grande expoente do segmento em Mato Grosso, Benedito Nunes realiza intervenção com mais seis entusiastas dos pinceis: Patrícia Wolff, Margareth Marinho, Gilda Portella, Cida Silva, Rodolfo Carli e Maria Auxiliadora. 
Assim como a Casa Cuiabana, outro importante equipamento da Secretaria de Estado de Cultura, integra o “A Arte é Nossa Casa”. A Biblioteca Itinerante Estevão de Mendonça estará presente com o estande de literatura afro. Reforça-se desta maneira, as iniciativas que inserem a Casa Cuiabana entre as atividades da cidade que celebram o mês da Consciência Negra.

terça-feira, 22 de novembro de 2016

CONFIRA AS DICAS DO BLOG FUZUÊ DAS ARTES PRA ESTA SEMANA 22 A 27/11...

DIA 22/11 (TERÇA-FEIRA) AS 19:30 H NO CINE TEATRO CUIABÁ
VIAGEM MUSICAL ATRAVÉS DO TEMPO
Dia 22.11 terça-feira no cine teatro Cuiabá.... o espetáculo vai ser lindo... temos serviço de entrega de ingressos pelo telefone 30544002.
**********************************
DIA 22/11 (TERÇA-FEIRA) AS 20 H NO SESC ARSENAL EM CUIABÁ-MT
CAMERATA DE CONCERTO
Camerata de concerto! Produto das ações do núcleo de educação musical da Boca de Arte - Boca Musical!
                    **********************************
DIA 24/11 (QUINTA-FEIRA) AS 21 H NA CASA DO PARQUE EM CUIABÁ-MT
VIVIANE CANTARELA CANTA DIVAS


Nesta 5a - 24/11 às 21h - VIVIANE CANTARELA canta DIVAS NACIONAIS em mais um show lindo, com repertório especial pra gente cantar juntos! Tem Marisa Monte, Marina Lima, Ana Carolina... Imperdível! Vem! 
📲 Reservas: 3365.4789 // 98116.8083

                    **********************************
DIA 24 A 27/11 (QUINTA A DOMINGO) DUAS SESSÕES AS 19:30 H E AS 20:30 H NO ESPAÇO INCASA EM CUIABÁ-MT
OS MISTÉRIOS DE TCHAPA E CRUZ
Venham conhecer o mais inovador conceito de teatro em Cuiabá no espaço INCASA.

Você vivenciará cada momento e sentirá todas as emoções de cada personagem percorrendo os cômodos desta casa cheia de mistérios...
Peça dirigida pelo Ator e Diretor André D'Lucca com seu empenhado elenco.
São duas apresentações diárias dos dias 24 a 27/11/16.
Garanta já seu ingresso, são apenas 30 lugares por sessão. 
Contato: (65) 99249-5952

                    **********************************

Programação dos cinemas de Cuiabá


Local: Nos shoppings:3 Américas, Pantanal e Goiabeiras 
A programação dos cinemas de Cuiabá é de responsabilidade exclusiva das empresas que administram as salas nos shoppings da cidade e elas se reservam o direito de alterá-la de acordo com seus interesses. Abaixo, os links dos sites onde você pode conferir salas, horários, classificação indicativa e outros detalhes. 
                    **********************************

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Oito livros de escritores mato-grossenses serão lançados nesta terça-feira no Sesc Arsenal

No dia 22 de novembro, a literatura produzida em Mato Grosso ganhará mais oito títulos. Trata-se do lançamento dos vencedores do edital de incentivo à cultura da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Turismo e Fundo Municipal de Cultura. O evento, que acontecerá no Sesc Arsenal a partir das 19h, contará com a presença dos escritores para uma noite de autógrafos.
Estes novos títulos incluem as mais diversas expressões, dentre elas romances, contos, crônicas, ensaios, poesia e livros infato-juvenis. As obras que serão lançadas nesta terça-feira foram editadas pela Carlini e Caniato Editorial. Os autores contemplados são: Marilza Ribeiro, Cristina Campos, Santiago Santos, Wuldson Marcelo, Rafaella Elika, Luck P. Mamute, Luiz Renato, Carlos Barros e Iraci Romagnolli Dias (in memoriam). O evento também contará com a presença dos músicos Fidel Fiori e Igor Mariano.
“É uma alegria ver o resultado deste edital. É muito gratificante ver livros de escritores novos e também de pessoas já experientes sendo lançados. Ficamos muito felizes”, disse o secretário-adjunto de cultura, José Paulo Traven. De acordo com ele, ainda este ano outro edital será aberto para que novos projetos sejam desenvolvidos em 2017.
“A regularidade destes incentivos são positivos não só para incentivar os próprios escritores a produzir, como também para que o público tenha acesso a esses trabalhos. Sem sombra de dúvida temos agora uma maior visibilidade para a literatura”, comentou Traven.
O edital, lançado em 2015, investiu R$ 144 mil em projetos de literatura. Algumas das obras já estão disponíveis no site da Carlini e Caniato Editorial, através do endereço www.carliniecaniato.com.br Veja abaixo um pouco sobre cada uma das obras publicadas e seus autores:
“Acordes para uma menina cantar”, de Marilza Ribeiro
“Acordes para uma menina cantar” é o oitavo livro de Marilza Ribeiro, 82 anos. A obra é destinada aos adolescentes, focando principalmente nos encantos da infância e nas diferenças entre as gerações. A idéia para o livro surgiu quando Marilza escreveu pequenos poemas para seus netos apresentarem em um evento literário.
Marilza Ribeiro nasceu em Cuiabá, em 1934. Descobriu o interesse pela literatura aos 15 anos. Os primeiros trabalhos foram reflexões sociais publicadas no jornal “O Estado de Mato Grosso”. A escritora graduou-se em Psicologia pela Faculdade de Ciências e Letras São Marcos, em São Paulo. É autora de diversos títulos, dentre eles “As aves e poetas ainda cantam” e “Balaio Amarelo”.
“Bicho-grilo”, de Cristina Campos
“Bicho-grilo” é um livro de poemas de Cristina Campos, ilustrado pela artista plástica Ruth Albernaaz. A obra traz escritos poéticos, recolhidos e tecidos principalmente enquanto a escritora percorria trechos de cerrado. A parceria com Albernaaz inspira-se na proposta de ‘Poema Conceito’, do poeta Wlademir Dias Pino. Ou seja, a imagem não ilustra o texto e este não explica a imagem: ambos se combinam por um critério estético.
Cristina Campos é graduada em Letras pela UFMT; especialista em Língua Portuguesa (UFMT), Semiótica e Semiótica da Cultura; mestre em Educação, (UFMT) e doutora em Educação (USP). É autora de títulos como o “Conferência no Cerrado”, “Manoel de Barros: O Demiurgo das Terras Encharcadas”  e “O Falar Cuiabano”.
Ruth Albernaaz é artista visual. É formada em biologia (UFMT), mestre em ciências ambientais (Unemat) e doutora em biodiversidade amazônica (Rede Bionorte, MCTI). Participou de diversas exposições coletivas e individuais, sendo a mais recente a “Natureza Substantivo Feminino”, no Museu de Arte de Mato Grosso, 2016.
“Obscuro-shi: Contos e Desencontros em Qualquer Cidade”, de Wuldson Marcelo
“Obscuro-shi: Contos e Desencontros em Qualquer Cidade” é um livro de 18 contos de Wuldson Marcelo. As narrativas retratam a condição humana em seu estrato mais inexorável: a da negação dos desejos. O tema presente em todos os contos é a angústia e violência característica de grandes centros.
Wuldson Marcelo, 37 anos, nasceu e reside em Cuiabá. É autor de “Subterfúgios Urbanos”, publicado em 2013 pela editora Multifoco (RJ). Organizou, em 2013, com Cinthia Andressa de Lima e Jana Lauxen, a coletânea de contos e poesias “Beatniks, malditos e marginais em Cuiabá: literatura na Cidade Verde”, que foi também publicada pela Multifoco. Administra o blog “Beatniks, maldit@s e marginais” desde 2012.
“Me Literatura”, de Rafaella Elika Borges
“Me Literatura” é uma coletânea de contos dramáticos de Rafaella Elika. Cada narrativa possui seus personagens e situações diferentes, de forma a explorar uma variedade maior de conflitos e sentimentos. A ideia para a coletânea surgiu com a intriga da autora com o modo como as pessoas levam suas vidas.
Rafaella Elika Borges, 21 anos, nasceu e foi criada em Cuiabá. Seus primeiros contos foram publicados na coletânea “Beatnik, Malditos e Marginais – Literatura na Cidade Verde”, na antologia “O Mistério das Sombras” e no jornal “Diário de Cuiabá”. “Me Literatura” é seu primeiro livro.
“Na eternidade sempre é domingo”, de Santiago Santos
 “Na Eternidade Sempre É Domingo” é uma obra de contos de Santiago Santos. As narrativas se interligam para contar uma única história (técnica chamada de fix-up), todas elas baseadas na experiência pessoal do autor durante um mochilão pela América do Sul. Os contos unem ficção histórica, fantasia, relato de viagem e registro fotográfico.
Santiago Santos, 29 anos, nasceu em Blumenau (Santa Catarina), mas mora em Cuiabá. Começou a experimentar com a escrita na infância. Atualmente, é autor e administrador do site Flash Fiction, de drops literários. “Na Eternidade Sempre É Domingo” é seu primeiro livro.
“Duplo Sentido”, de Luiz Renato e Carlos Barros

“Duplo Sentido” é uma coletânea de crônicas de Luiz Renato e Carlos Barros. A obra é uma celebração dos 20 anos de amizade dos autores e fala sobre literatura, cinema, teatro, experiências pessoais e sobre o meio artístico. O livro divide-se em dois: De um lado os escritos de Luiz Renato e, do outro, os de Carlos Barros.
Luiz Renato, 54 anos, nasceu em Maringá, Paraná. Atualmente mora em Cuiabá, Mato Grosso, onde trabalha como professor de língua portuguesa e literatura. Já publicou três livros: “Cardápio Poético”, em 1993; “Matrinchã do Teles Pires”, em 1998 e “Flor do Ingá”, 2014.
Carlos Barros, 64 anos, nasceu em Recife, onde reside atualmente. É autor de “Fênix” (1989), pela Editora Arte Quintal, de Belo Horizonte; “Poesia, Carlos Barros e Paulo Rocha” (2001), pela Edições Tiê, de Recife; “quest” (2007), pela Editora Livro Rápido, de Olinda. Em 1976, publiquei um livro artesanal, chamado “Punhesias”, como participação na I Mostra Internacional de Arte Correio em Recife.
“O circo do Bagre Zé pelo Pantanal”, de Iraci Romagnolli Dias (in memoriam)
“O circo do Bagre Zé pelo Pantanal” é um livro infanto-juvenil de Iraci Romagnolli Dias, ilustrado por Vanessa Prezoto. Na obra, o personagem bagre Zé, um peixe bagre, organiza um circo por onde passam diversas espécies aquáticas do Pantanal.Escrito em versos, além de narrar a história, “O circo do bagre Zé pelo Pantanal” também traz notas com a explicação científica sobre cada uma das espécies apresentadas, incluindo descrição física dos animais, seus hábitos alimentares e habitat natural.
Iraci C. Romagnolli Dias nasceu no interior de São Paulo, formada em Pedagogia Infantil pela Universidade de Cuiabá, especialista em Educação Infantil, pelo Instituto de Pesquisas Avançadas em Educação, do Rio de Janeiro, e pós-graduada em Aprendizagem Cooperativa e Tecnologia Educacional na Educação Básica, pela Universidade Católica de Brasília (UCB). É autora de “Bichos, Gente, Ambiente” e, em coautoria, “Conhecendo a Fauna do Pantanal de A a Z” e “Bichonário do Pantanal”. Faleceu em 2016.
Vanessa Prezoto é formada em design gráfico na Universidade Estadual Paulista (Unesp), trabalhou em agências e estúdios de design por vários anos. Participou de cursos e oficinas de ilustração e voltou a praticar o desenho e a pintura tradicional. Atualmente, grande parte do seu tempo é dedicado às ilustrações, principalmente para livros. No caso da obra “O circo do bagre Zé pelo Pantanal”, a artista trabalhou com uma mistura de colagens, giz pastel e tinta guache.
“Nota de cinco”, de Luck P. Mamute

“Nota de cinco” é o primeiro romance de Luck P. Mamute. A obra é um suspense com final inesperado. Tudo começa quando um rapaz recebe uma nota de cinco que muda toda a sua vida. A ideia surgiu quando o autor estava voltando de Chapada dos Guimarães para Cuiabá e recebeu o troco no ônibus. Na nota, havia um nome e telefone. Deste evento rotineiro, veio a trama de “Nota de cinco”.
Luck P. Mamute, 41 anos, nasceu em Tangará da Serra, mas reside em Cuiabá desde a infância. Luck começou sua carreira literária como leitor e na adolescência começou a experimentar com a escrita. Desde então, sempre tem consigo um caderno e uma caneta. Apesar de “Nota de cinco” ser seu romance de estreia, Luck contou que já finalizou seu quarto livro e que espera lançar um por ano “até o final da vida”.
Serviço
Lançamento dos contemplados no edital de incentivo à cultura da Prefeitura de Cuiabá
Data: Terça-feira, 22 de novembro
Horário: A partir das 19h
Local: Sesc Arsenal
Para mais informações: 65 3023-5714

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

exposições: "ORIXÁS" e "TERESAS" da artista plastica Gilda Portella acontece neste domingo (20/11) em frente do restaurante Universitário UFMT em Cuiabá-MT



A artista Gilda Portella, estará presente com as exposições: "ORIXÁS" e "TERESAS"

Exposição “ORIXÁS” 
Gilda Portella explica que: Orixá é uma face de Deus, uma manifestação da divindade, que é fé (Oxalá) e religiosidade (Oiá), amor (Oxum) e a renovação (Oxumaré), o conhecimento (Oxóssi) e a verdade (Obá), justiça e equilíbrio, (Xangô) a purificação (Egunitá), a lei e a ordem (Ogum), direcionamento (Iansã), evolução (Obaluaiê), maturidade, razão e sabedoria (Nanã) a geração (Yemanjá), a morte (Omolu) sincretizado com os santos católicos. 
De onde brotam cores, formas, energias, imagens, e coreografias que enriquecem o imaginário e a cultura afro brasileira. A criatividade do povo vive no molejo do andar, na musica do falar, na combinação de tons das roupas, e no amor a tudo que é divino e sagrado. Ver a exposição Orixás é deixar-se tocar por esta essência geradora que veio de África para o Brasil, misturando-se e crescendo renovada e fortalecida em cada descendente desta nova cultura.
TÉCNICA: Óleo sobre tela.

Exposição "TERESAS"
"A artista Gilda Portella com forte inspiração na pessoa de Teresa de Benguela compôs uma série de “Teresas”. As telas trazem uma representação de “Teresa” e sua personalidade forte, de luta, imbuída da beleza dos traços negros. Técnica: Óleo sobre tela. Tinta Acrílica sobre tela e Gis Pastel."

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA NA BIBLIOTECA ESTEVÃO DE MENDONÇA EM CUIABÁ-MT


terça-feira, 15 de novembro de 2016

COMEÇA NESTA TERÇA-FEIRA (15/11) A MOSTRA DE CINEMA NEGRO, NO CINE TEATRO CUIABÁ, VEJA A PROGRAMAÇÃO


Mostra de Cinema negro exibe filmes e estimula debate para ampliação do protagonismo negro no cinema

Filmes, palestras e oficinas ocorrem entre os dias 15 e 19 de novembro, no Cine Teatro 

O cinema abre janelas para o debate social e político e se configura como importante ferramenta na luta pela valorização da identidade cultural brasileira. Em Cuiabá, será realizada a Liberdade – Mostra de Cinema Negro, entre os dias 15 e 19 de novembro, no Cine Teatro, com a exibição de produções que visam tirar da invisibilidade a cultura afro-brasileira e estimular o debate sobre a necessidade de ampliação do protagonismo negro no cinema. 

A proposta contribui para os eventos que celebram o Dia da Consciência Negra, comemorado no dia 20 de novembro.  O diálogo e a reflexão se fazem necessários para despertar a consciência coletiva para o respeito à diversidade étnico-racial. O projeto é elaborado pelo setor do Audiovisual MT, da Secretaria de Estado de Cultura, em conjunto com a Donamaria e Seu João Produções Criativas.

Produtor da mostra ao lado de Lilian Santanna, João Manteufel destaca que a ideia da mostra é gerar questionamento, gerar envolvimento, realizar um grande debate sobre a Liberdade, em todos os aspectos. 

“Principalmente sem tapar o sol com a peneira, visto a uma vida de dificuldades que o negro enfrenta desde que nasce. Precisamos de espelhos! Imediatamente fomos atrás de Joelzito de Araújo, o cineasta mais premiado e importante, na minha opinião, da atualidade, para em conjunto com artistas, cineastas e produtores fazermos uma grande radiografia, desde a exploração da imagem escravocrata pela televisão até a marginalização sofrida pela mídia, pela polícia, pelo sistema nos dias de hoje”.

Segundo ele, a presença de tantos cineastas, cientistas políticos e antropólogos, como o Dr. Celso Prudente – destaque da mostra ao lado de Joelzito - só ajudam a Mato Grosso a trabalhar na formação do público.  “E de coração, espero que no ano que vem, estaremos passando dezenas de filmes nessa Mostra, de jovens cineastas negros de Mato Grosso”, se entusiasma Manteufel.

De acordo com o curador da mostra, Don Carrijo, além de debater questões sócio-políticas por meio de mesas de debate e palestras, a mostra também promove oficinas de capacitação para profissionais que atuam no cinema, shows e painel de discussão sobre a produção de roteiros.  

O curador responsável pelo setor de audiovisual da Sec-MT destaca que a mostra surgiu a partir de um
estudo etnográfico feito por ele, que apontou para a necessidade de dar protagonismo às conquistas feitas pela população afrodescendente. 

“O estudo revelou que nós, e nisso eu me incluo, estamos cansados de sermos lembrados pelas dores e sofrimentos. É chegada a hora de mostrar nossas competências, talentos, belezas, cultura. Obviamente, seria, muita pretensão pensar, que uma mostra humílima como a nossa, seria capaz de tal feito, no entanto, é uma utopia que acalentamos. De todo modo, Liberdade, é um espaço aberto para o diálogo sobre negritude, cinema, filosofia, política e arte de maneira geral.  Só saberemos o que foi Liberdade, quando ela terminar. O que ela será, vai depender da participação de todas as pessoas, cores, gêneros, credos, que lá estiverem, dando sua contribuição, de forma livre, para essa grande celebração do protagonismo negro”, diz aponta o curador.

Programação:


15/11/2016 (terça-feira) - 1º Dia

(14:00 ÀS 17:00) VÔO LIVRE: AULA DE "TEORIA DO CINEMA NEGRO", será ministrada por dois expoentes do Cinema Negro, os cineastas e professores, Celso Luiz Prudente e Joel Zito de Araújo. 
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:00 ÀS 20:00) SOLENIDADE DE ABERTURA DA MOSTRA COM APRESENTAÇÃO DO GRUPO HAITIANO, STAR MAGIC 509
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(20:00 ÀS 21:45) FILME: RAÇA |CINEASTA: JOEL ZITO
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

16/11/2016 (quarta-feira) - 2º Dia

(13:30 ÀS 16:30) HOGWARTS SCHOOL |OFICINA DE ROTEIROS PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES| COM: SEVERINO NETO.
Local: Auditório do Palácio da Instrução | 25 vagas | Inscrições pelo email: editaisdeaudiovisual@cultura.mt.gov.br até o dia 14/11/2016.

(19:00 ÀS 19:20) | FILME: TEM UM PASSADO NO MEU PRESENTE | CINEASTA: JOEL ZITO
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:20 ÀS 19:30) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Beco do Candeeiro (curta doc) | Cineasta: Júnior Silgueiro. 
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:30 ÀS 19:35) LANÇAMENTO DO LIVRO PÉROLAS NEGRAS | apresentação do teaser do documentário de título homônimo | Escritora: Silviane Ramos

(19:35 ÀS 21:30) CAFÉ PRETO COM DOIS DEDOS DE PROSA, reflexão política-artística-filosófica a cerca do Cinema Negro, sob a ótica dos convidados: Celso Prudente | Josel Zito | Adriana Rangel e mediação de Isolda Risso. Após a fala inicial dos convidados, a plateia poderá tecer seus comentários e fazer perguntas diretas. 
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

17/11/2016 (quinta-feira) - 3º Dia

(19:00 ÀS 19:20) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Mundo Animal (média doc) | Cineasta: João Manteufel.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:20 ÀS 19h45) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Peito de Flores – Corações da Resistência | (média doc) | Cineasta Gloria Albues.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:45 ÀS 20:05) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Sua Vida é Você Quem Faz (curta ficção) | Cineasta: João Carlos Bertoli.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(20:10 ÀS 21:10) FILME: A NEGAÇÃO DO BRASIL (DOCUMENTÁRIO) | CINEASTA: JOEL ZITO 
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(21:10) DESEMBUCHE, roda de conversa com os especialistas Josel Zito e Celso Prudente acerca dos filmes exibidos. |
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

18/11/2016 (sexta-feira) - 4º Dia

(8:30 ÀS 12:30) PRETO NO BRANCO | Oficina: como celebrar contratos e prestar conta de projetos audiovisuais no âmbito da administração pública | Com: Kelly Viegas. 
Local: Auditório de Palácio da Instrução | Entrada França | 25 Vagas | Inscrições pelo email: editaisdeaudiovisual@cultura.mt.gov.br até o dia 14/11/2016.

(19:00 ÀS 19:10) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Tauá (curta doc.) | Cineasta: Diogo Diógenes.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:10 ÀS 19:30) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: 3 Tipos de Medo (curta ficção) | Cineasta: Bruno Bini.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:30 ÀS 19:50) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Composto (curta doc) | Cineasta: Severino Neto
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:50 ÀS 20:10) O ROTEIRO: DA INSPIRAÇÃO À TRANSPIRAÇÃO | Painel, exposição a cerca do processo de criação dos roteiros campeões do Edital de Produção de Obras Audiovisuais da Secretaria de Cultura do Estado de Mato Grosso | Com: roteiristas vencedores.
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

19/11/2016 (sábado) - 5º Dia

(8:30 ÀS 14:30) VAMOS FAZER UM FILME |OFICINA DE ROTEIROS| COM: SEVERINO NETO
Local: Palácio da Instrução | Entrada França | 25 vagas | Inscrições pelo email:editaisdeaudiovisual@cultura.mt.gov.br

(19:00 ÀS 19:07) SESSÃO REGIONAL - exibição de filmes de cineastas mato-grossenses, cujas narrativas têm como figura central personagens negros | Filme: Pobre Preta Marginalizada (curta doc) | Direção: Catarina Dias
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:07 ÀS 19:30) FILME: VISTA A MINHA PELE (CURTA  FICÇÃO)|CINEASTA: JOEL ZITO
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(19:30 ÀS 20:00) ENCERRAMENTO DA MOSTRA
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

(20:00 ÀS 22:00) UM SER DE LUZ | ESPETÁCULO MUSICAL | COM: RAÍZES DO SAMBA
Local: Cine Teatro Cuiabá | Entrada Franca | 500 lugares.

IMFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

Fone: 3613-0233